Construção digital: como acelerar esse movimento?

Homem engenheiro com tablet na mão representando a construção digital

Construção digital é o movimento de digitalizar os processos da construção civil a partir de tecnologias próprias para as necessidades do setor. Cada vez mais, os negócios deste ramo tendem a se tornar digitais por natureza, como se já tivessem nascido assim. 

Hoje, a necessidade de adaptação ainda é um movimento natural, porque o setor da construção civil possui um legado analógico muito forte. Mas com o tempo, a cultura digital deve se tornar a única possível, como já vem acontecendo gradualmente.

A questão é: que tipo de iniciativas podemos colocar em prática para acelerar a digitalização e a transformação digital de empresas da construção civil? É isso que veremos no artigo de hoje. Continue a leitura.

Leia também: Transformação digital na construção civil: conheça os desafios para a inovação

Por que você faz o que você faz?

Aqui no nosso blog um dos assuntos mais abordados é a transformação digital de vários setores diferentes. E é evidente que este tema é urgente, mas por quê? Por que é tão importante acelerar a digitalização dos processos do setor de construção civil? 

Segundo a pesquisa 2022 Engineering and construction industry outlook, da Deloitte, 91% dos executivos do setor de Construção e Engenharia veem um cenário positivo ou muito positivo para o próximo ano. 

Em contrapartida, o mercado imobiliário enfrenta uma queda nas vendas devido ao aumento de preços, como confirma a apresentação Expectativas do mercado imobiliário para 2022 da Brain Inteligência Estratégica.

Vemos então que ao mesmo tempo em que a construção civil tem margem para avançar, existem desafios gigantes a superar. A construção digital se apresenta neste momento como uma “carta na manga para ajudar” as empresas a alcançarem maior potencial competitivo. 

A transformação que tanto falamos é essencial para otimizar diversos aspectos dos negócios. Na área civil, os benefícios vão desde a melhor utilização dos recursos naturais até a otimização de diferentes processos internos e externos.

Vamos entender melhor os benefícios da construção digital? Conheça 3 deles a seguir: 

1- Redução de custos

É fato que um melhor aproveitamento dos recursos fará com que os negócios da construção civil se tornem mais rentáveis. O que muitas vezes ninguém lembra é do quanto é possível economizar quando se tem processos de apoio mais eficientes.

Como exemplo, podemos citar o case de um dos nossos clientes, a Techint, que conseguiu reduzir em 82% os custos com multas trabalhistas apenas melhorando e digitalizando o processo de controle do dossiê de documentos dos colaboradores e subcontratados.

Além disso, a digitalização de processos produtivos da construção civil deve capacitar cada vez mais o setor para oferecer produtos mais econômicos e com prazos mais curtos. Um dos caminhos para isso são as práticas da fabricação off-site (feita em uma fábrica ou espaço específico).

2- Diminuição dos silos

Implementar a construção digital é melhorar os processos internos e externos da gestão de obras. Isso é importante porque neste setor a existência de silos organizacionais é muito comum. A comunicação e transferência de informações entre as obras, que muitas vezes ficam em locais afastados, e os escritórios é bastante desafiadora.

A tecnologia ajuda a melhorar o fluxo de dados entre esses diferentes departamentos para que haja uma integração mais fluida e assertiva entre os participantes. A partir disso, é possível gerenciar tarefas, prazos, documentos, regulatórios, equipamentos, materiais e outros aspectos importantes para o sucesso do negócio.

3- Aumento da produtividade e capacidade dos processos

A digitalização do setor construtivo permite que os colaboradores realizem menos ações manuais e possam focar seus esforços em atividades com maior valor agregado. Assim, é possível realizar mais atividades com menos recursos. As vantagens, no entanto, não param por aí. 

Como diria um dos maiores especialistas em administração moderna, Peter Drucker: “quando você é capaz de medir algo, você é capaz de gerenciar”. A construção digital tem como um dos principais benefícios a melhora na rastreabilidade das informações em tempo real.

A partir disso, é possível implantar uma cultura de melhoria contínua baseada em dados e indicadores de desempenho e, como consequência, aumentar a produtividade e a capacidade do processo.

Como acelerar a aderência da construção digital nas empresas do país?

Agora que você já conhece alguns benefícios da construção digital, vamos descobrir como acelerar o processo de digitalização nas construtoras?

Capacitar a mão de obra

Um dos entraves mais críticos para acelerar a transformação digital na construção civil, e diga-se de passagem em qualquer setor, é capacitar a mão de obra e desenvolver as skills necessárias para implementação da construtora no espaço digital.

As tendências tecnológicas estão evoluindo a passos largos e saber gerenciar as possibilidades é de fato um desafio. As empresas podem colaborar para acelerar a construção digital ajudando na capacitação e conscientização do seu pessoal.

Mudar a cultura

Ao mesmo tempo em que o digital permite que diversas tarefas sejam automatizadas, também exige um maior senso de colaboração e comunicação por parte da equipe. Também será necessário que as pessoas desenvolvam um pensamento baseado em dados, o que é ótimo para direcionar a tomada de decisões.

Além disso, as empresas precisam definir bem as suas regras de negócios, às quais todos devem zelar e cumprir, garantindo o compliance e governança da organização. Por tudo isso, adaptar a cultura é essencial, porque as pessoas só aderem às mudanças propostas quando entendem os reais benefícios. 

Para que tudo isso seja bem-sucedido é preciso o compromisso dos colaboradores, logo a cultura também precisa abraçar a causa.

Fazer primeiro o básico

Digitalizar um pouco é melhor do que não digitalizar nada. Falando sobre processos internos, o mínimo que uma empresa deve ter é um ERP. Conforme os processos evoluem, um CRM também pode ser uma boa opção.

 Mas quem quer cuidar e aperfeiçoar processos precisa avaliar a possibilidade de implementação de um BPM. Essa é a base essencial do escritório de construção, outras tecnologias podem turbinar o seu pacote. 

Para as obras, outras soluções como impressora 3D, realidade aumentada, uso de drones e outras tendências podem ajudar a acelerar o processo. Mas são tecnologias como BIM (modelagem da informação da construção) que vão ajudar o seu negócio a decolar de fato.

O principal é saber que estamos na era dos dados e tudo o que você precisa é descobrir a melhor forma de gerenciá-los em todo e qualquer aspecto. E é basicamente isso que define a sua construtora como digital.

Viu só como não é difícil começar? Os pilares serão sempre os mesmos: tecnologia, pessoas e processos. Pense nesses três pontos e em como pode integrá-los, quando menos esperar o seu negócio já fará parte da construção digital.

Gostou desse conteúdo? Deixe um comentário aqui embaixo e vamos continuar essa discussão. Quais tecnologias você já utiliza aí na sua construtora?